Helinho
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Diversos atletas do São Paulo estiveram emprestados durante a temporada 2021, para clubes brasileiros e também para o Cerro Porteño do Paraguai, no caso do goleiro Jean. Alguns destes atletas se destacaram em seus empréstimos e outros não continuarão no São Paulo para a temporada 2022.

Helinho

Helinho foi com certeza o atleta emprestado pelo Tricolor que mais obteve destaque na temporada. Seu clube, o Red Bull Bragantino, foi uma das grandes surpresas da temporada, chegando à final da Copa Sul-Americana e sendo derrotado pelo Athletico-PR e depois terminando o Brasileirão na 6ª posição, conquistando uma vaga para a Copa Libertadores 2022.

Pelo Brasileirão, o atacante disputou 33 partidas, obtendo a nota média de 6.93. Foram 5 gols marcados, 4 assistências distribuídas e duas participações no time da rodada do SofaScore.

Na campanha do vice-campeonato da Copa Sul-Americana, foram 10 partidas disputadas e um gol marcado, com a nota média final de 6.82.

Helinho não retornará ao São Paulo, já que o Red Bull Bragantino exercerá a opção de compra do atacante, pagando 24 milhões de reais pelos seus direitos econômicos.

Tchê Tchê

Tchê Tchê não teve o mesmo destaque de Helinho, porém terminou a temporada 2021 com mais 4 títulos no currículo: como atuou nas quatro primeiras partidas do São Paulo no Paulistão, Tchê Tchê foi campeão Paulista pelo Tricolor, além dos seguintes títulos pelo Atlético-MG: Campeonato Mineiro, Brasileirão e Copa do Brasil.

O volante começou a temporada como titular do time do técnico Cuca, porém sempre muito contestado pela torcida. No Brasileirão, Tchê Tchê atuou em 33 partidas, sendo 22 delas como titular. O volante marcou um gol, deu uma assistência e obteve a nota 6.67 pelo SofaScore.

Tchê Tchê
Foto: Twitter / @tchetche

Tchê Tchê também atuou pela Libertadores, onde o Atlético-MG foi eliminado pelo Palmeiras nas semifinais. O volante disputou 10 partidas, sendo 8 delas como titular, com uma nota média de 6.94.

O empréstimo de Tchê Tchê com o Atlético-MG termina em 31 de maio de 2022. Conforme o Transfermarkt, o contrato do volante com o São Paulo é válido até 31 de março de 2023.

Jean

O goleiro Jean foi emprestado ao Cerro Porteño do Paraguai no final do mês de março. O goleiro foi titular na campanha do time paraguaio na Libertadores, onde chegaram até às oitavas de final.

Após episódio de expulsão, Jean tem futuro incerto no Cerro Porteño
Foto: Twitter/ClubCerroPorteño

No Clausura do Campeonato Paraguaio, o goleiro foi titular da campanha do título do Cerro e um dos destaques do time.

De uma venda garantida no começo do mês de dezembro, o goleiro se envolveu em uma confusão antes da decisão da Supercopa do Paraguai e sua compra pelo Cerro poderá ser reavaliada, conforme a última notícia publicada.

Lucas Kal

O zagueiro Lucas Kal atuou por empréstimo por dois clubes na temporada: no primeiro semestre esteve no Nacional de Portugal e em junho retornou para o América-MG, time onde esteve em 2020.

Pelo Nacional da Ilha da Madeira, Lucas atuou em 24 partidas da Primeira Liga 2020/2021, sendo 23 delas como titular. O Nacional terminou a competição na última posição e foi rebaixado para a Segunda Liga e Kal retornou ao Tricolor após o fim de seu empréstimo.

Lucas Kal atuando pelo Nacional
Foto: LUSA / OJogo

Um mês depois de seu último jogo em Portugal, Kal retornou ao América-MG, clube onde havia atuado até o mês de julho de 2020. Foram 20 partidas pelo Brasileirão, sendo 19 delas como titular.

Lucas Kal atuou como zagueiro e também como volante e teve destaque no bom time do América-MG, que se classificou para a Libertadores 2022. O zagueiro contribuiu com 1 gol e 4 assistências, sendo selecionado por duas vezes ao time da rodada do SofaScore e terminou o torneio com a nota média de 6.91.

Marcos Júnior

O jovem volante Marcos Júnior de 21 anos esteve emprestado à Ponte Preta e disputou a Série B do Campeonato Brasileiro. Ao todo, o jovem entrou em campo 25 vezes pela Macaca, sendo 18 delas como titular.

Marcos Júnior
Foto: São Paulo FC

O volante contribuiu com 2 gols e uma assistência e recebeu a nota média de 6.68 pelo SofaScore. A Ponte Preta acabou não conseguindo ao acesso para a Série A.

O empréstimo de Marcos Júnior termina no final deste mês e o mesmo deverá retornar ao Tricolor no começo de 2022.

Tréllez

O atacante colombiano Tréllez esteve emprestado ao Sport, onde teve pouco destaque. Em 30 participações no Brasileirão, apenas um gol, na derrota do Sport para o Corinthians em Itaquera. Depois deste gol, o atacante passou outros 26 jogos sem marcar, muito pouco para um atacante.

Tréllez
Foto: Rummens

Tréllez terminou a competição com a nota média 6.60 segundo o SofaScore e seu contrato com o São Paulo não será renovado, já que o mesmo termina no dia 31 deste mês de dezembro. Em 3 anos no São Paulo, Trellez somou 51 jogos e apenas 7 gols marcados.

Toró

O atacante Toró atuou por empréstimo por dois clubes na temporada: até 12 de julho esteve no Sport Recife e à partir de 17 de julho esteve emprestado ao Atlético-GO.

No pouco tempo no Sport, Toró participou de 13 jogos e marcou dois gols. Um dos motivos de sua saída após 4 meses foi o atraso no pagamento dos salários.

Toró
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Pelo Atlético-GO o atacanhte atuou em 13 partidas do Brasileirão, todas vindo do banco de reservas. Toró marcou apenas um gol, o último dos goianos na competição, na vitória contra o Flamengo na última rodada.

Toró retornará ao São Paulo em janeiro e o seu contrato é válido até o final de 2022.

Danilo Gomes

O atacante Danilo Gomes atuou por empréstimo por dois clubes na temporada: até 31 de maio esteve no Atlético-GO e à partir de junho esteve emprestado ao Cuiabá.

Atacante do São Paulo volta é emprestado ao Cuiabá
Foto: Rubens Chiri / São Paulo FC

Pelos goianos, Danilo teve alguns bons jogos, principalmente ainda pela temporada 2020 e nesta temporada marcou alguns gols pela Copa do Brasil e Copa Sul-Americana.

Pelo Cuiabá, foram 14 partidas pelo Brasileirão, sendo 8 delas como titular, porém nos últimos 10 jogos onde foi relacionado, o atacante atuou em apenas um, por apenas 7 minutos contra a Chapecoense.

Júnior

O jovem goleiro Denis Júnior não atuou em nenhuma partida pelos profissionais do Bahia na temporada 2021. O goleiro foi opção em diversos jogos pelo Brasileirão, Copa Sul-Americana e Copa do Nordeste.

Denis Junior
Foto: Rummens

O contrato de Júnior com o São Paulo vai até 30 de junho de 2022, e o goleiro poderá assinar com qualquer time já no começo de 2022. O goleiro retornará ao São Paulo em janeiro.

Hudson

O volante Hudson foi com certeza o mais azarado dos atletas emprestados. Hudson chegou a treinar no começo da temporada junto com o time ainda comandado por Hernán Crespo, porém foi emprestado novamente ao Fluminense em março.

Hudson
Foto: Reprodução / Twitter SPFC

Era claro que dificilmente o volante teria seu contrato renovado para 2022, e no começo de maio o mesmo teve uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho direito, ficando de fora de toda a temporada 2021.

O contrato de Hudson com o São Paulo termina no fim de 2021 e o mesmo não será renovado, com o volante ficando livre para assinar com qualquer equipe no mercado.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorSão Paulo negocia com Douglas Costa
Próximo PostJustiça nega recurso da oposição que vetaria as mudanças no estatuto
Um dos fundadores do Arquibancada Tricolor, fã do M1TO Rogério Ceni e amante do bom futebol. Tenho perdido algumas horas de sono vendo NBA e NFL.