Pablo não deve ir para o Santos, mas tem outro destino encaminhado
Foto: Reprodução / São Paulo FC

O atacante Pablo Felipe está com o moral baixo no São Paulo. Maior contratação da história do clube, o camisa 9 surge em praticamente todas as especulações do Tricolor como moeda de troca e encabeça a lista de negociáveis do clube. Apesar de ter sido o artilheiro do ano, o atleta de 29 anos encontra um óbice considerável que emperra possíveis transações: apesar da vontade do São Paulo de negociá-lo, o seu alto salário é um grande obstáculo.

GATILHO CONTRATUAL

Após ficar quase um mês sem entrar em campo, de setembro a outubro, Pablo participou do clássico Majestoso e acionou um gatilho contratual que prorrogou o seu vínculo e, ato contínuo, aumentou o seu salário. A situação foi exposta à época, inclusive, pelo diretor de futebol Carlos Belmonte, em entrevista ao Energia 97.

“Pablo é um jogador que faz parte do elenco, trabalha muito, não nos dá nenhum problema aqui. Se ele completar mais uma partida, se ele estiver em campo mais uma vez, ele tem a renovação por mais uma temporada. O contrato dele termina em dezembro de 2022 e se ele jogar mais uma partida vai a dezembro de 2023”, disse Belmonte.

BONS NÚMEROS

O ano de 2021, relativamente, foi um dos melhores de Pablo com a camisa do São Paulo. Melhor atacante do Campeonato Paulista e artilheiro do clube no ano, o jogador tem números muito bons na temporada em relação aos seus companheiros de equipe. O são-paulino balançou as redes em 13 oportunidades, serviu de garçom em 4 e participou diretamente da construção de 17 tentos da equipe. Assim, ele é a peça do elenco com mais participações em gols. Mas os números, de per si, não convencem.

Depois desse confronto com o rival Corinthians, o São Paulo entrou em campo em mais 11 oportunidades. Dessas, Pablo entrou participou de apenas duas – contra o Red Bull Bragantino e contra o seu ex-clube, o Athletico. Pesa contra o atacante, além da concorrência desleal do setor, o fato de ele ter perdido dois gols emblemáticos na segunda metade de 2021. Contra o Palmeiras, pela Libertadores, e contra o Bragantino, no Nabi Abi Chedid, o centroavante desperdiçou duas chances inacreditáveis e acabou irritando a torcida.

SALÁRIO EMPERRA VONTADE DE NEGOCIÁ-LO

A intenção do São Paulo é de negociar Pablo sem arcar com os custos de seu salário. Com contrato vigente até 2023, as negociações travam justamente pelos valores dos vencimentos do atacante. Diferentemente do caso do lateral Orejuela, em que a comissão técnica acredita em uma volta por cima, não há crença numa recuperação do camisa 9. Ceará e Internacional foram clubes que mostraram interesses no atleta até aqui, mas as negociações não prosperaram.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Instagram | YouTube | Twitter | Canal no Telegram | Conheça a nossa Loja

Post anteriorRogério Ceni fará curso na CBF, em janeiro
Próximo PostGica é mais uma a anunciar sua saída do São Paulo
Matheus Tévez é formado em Direito pela UFBA, cursa Letras, além de ser professor, escritor e articulista. Mas a sua grande virtude é ser são-paulino doente desde os tempos em que Válber doutrinava na zaga.